GovBR
Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a busca Ir para o rodapé

Informamos que devido ao grande número de acessos aos serviços online da prefeitura, os mesmos poderão ficar instáveis ou indisponíveis.

Inicio Saúde Saúde de Garanhuns realiza novo bloqueio viral

Saúde

Saúde de Garanhuns realiza novo bloqueio viral

A medida de prevenção utiliza uma UBV leve com a bomba costale tem a finalidade de interromper o ciclo de transmissão do Aedes aegypti por RUTHE SANTANA com CLOVES TEODORICO A Secretaria de Saúde de Garanhuns, por meio do Programa...

Publicado em

A medida de prevenção utiliza uma UBV leve com a bomba costale tem a finalidade
de interromper o ciclo de transmissão do Aedes aegypti

por RUTHE SANTANA
com CLOVES TEODORICO

A Secretaria de Saúde de Garanhuns, por meio do Programa de Combate ao Aedes aegypti, em parceria com a V Gerência Regional de Saúde (V Geres), está realizando mais um ciclo de bloqueio viral do Aedes aegypti – mosquito responsável pela transmissão da dengue, febre chikungunya e do Zika vírus. A medida de prevenção utiliza o sistema Ultra Baixo Volume (UBV) leve com a bomba costal e tem a finalidade de interromper o ciclo de transmissão das doenças citadas.

A ação com bomba costal para pulverização está sendo realizada nas imediações de locais onde foi detectado algum caso das doenças transmitidas pelo mosquito, quebrando o ciclo de desenvolvimento do Aedes aegypti. Além disso, o trabalho dos agentes de endemias na cidade é contínuo, visitando cada residência e depositando o larvicida nos reservatórios de água existentes. Ainda nessa visita, os agentes passam informações sobre os sintomas das doenças e o que deve ser feito se sentir algum deles, além de orientar a população quanto às medidas básicas de combate aos vetores do mosquito.

No mês passado foi divulgado o último Levantamento de Índice Rápido de Infestação do Aedes aegypti (LIRAa) do município, no qual foi registrado uma diminuição de 2.8%, totalizando um índice geral na cidade de 8.0%. O percentual refere-se às casas que apresentam larvas do mosquito Aedes aegypti.  Apesar disso, é importante que a população continue colaborando na efetivação de práticas para reduzir o índice de infestação do mosquito, mantendo reservatórios de água fechados, não deixando objetos que possam acumular água na área da casa, colocando terra nos pratinhos das plantas e outras medidas de limpeza que impedem a proliferação do mosquito.

 IMG_3503 IMG_3506 IMG_3508


Fotos: Ruthe Santana – Secom/PMG
Data: 04/08/2016
Atendimento à imprensa:
(87) 3762.0109

Redimensionar Fonte
Contraste