GovBR
Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a busca Ir para o rodapé

Informamos que devido ao grande número de acessos aos serviços online da prefeitura, os mesmos poderão ficar instáveis ou indisponíveis.

Inicio Saúde Prevenção à sífilis é tema de seminário em Garanhuns

Saúde

Prevenção à sífilis é tema de seminário em Garanhuns

Evento acontece no dia 14 de setembro e será destinado aos profissionais da Saúde 04 de setembro de 2018 A prevenção à sífilis e demais Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST’s) será o tema do debate promovido pela Secretaria Municipal de Saúde,...

Publicado em

Evento acontece no dia 14 de setembro e será destinado aos profissionais da Saúde

04 de setembro de 2018

A prevenção à sífilis e demais Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST’s) será o tema do debate promovido pela Secretaria Municipal de Saúde, durante o próximo dia 14 de setembro. O I Seminário de Garanhuns de Prevenção à Sífilis será realizado no plenário da Câmara Municipal de Vereadores, a partir das 8h. O intuito do evento é incentivar o debate sobre as medidas preventivas, o diagnóstico e o tratamento da doença.

O seminário é destinado aos profissionais que integram a rede de Saúde do município; como médicos, enfermeiros e coordenadores de setores de vigilância epidemiológica. A expectativa é de que 120 pessoas participem do evento. A primeira palestra, com o tema “Cenário Epidemiológico da Sífilis”, será ministrada pela coordenadora estadual de Vigilância Epidemiológica das IST’s, Gracielle Vasconcelos.

Em seguida, a “Apresentação do Manejo Clínico do Tratamento da Sífilis”, será o tema apresentado na palestra da coordenadora Estadual do programa IST/Aids, Tânia Mesquita. “O número de casos da doença em crianças e mulheres gestantes têm crescido bastante nos últimos anos, por isso nossa preocupação em promover essa articulação em rede, para discutir ações de enfrentamento à sífilis”, declarou a secretária municipal de Saúde, Nilva Mendes.

Sífilis — A sífilis pode ser transmitida por relação sexual sem camisinha com uma pessoa infectada, ou para a criança durante a gestação ou parto. Uma das principais medidas para o combate é a realização do exame pré-natal, para que a doença não atinja às mulheres gestantes e ocorra a sífilis congênita que é transmitida de mãe para filho e pode ocasionar a má-formação do feto ou morte do bebê.

Assessoria de Comunicação Social e Imprensa (ACSI)
Imagem: Divulgação
Atendimento à imprensa: (87) 3762-0109

Redimensionar Fonte
Contraste