GovBR
Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a busca Ir para o rodapé

Informamos que devido ao grande número de acessos aos serviços online da prefeitura, os mesmos poderão ficar instáveis ou indisponíveis.

Inicio Notícias Balanço das atividades do Centro de Controle de Zoonoses é divulgado

Notícias

Balanço das atividades do Centro de Controle de Zoonoses é divulgado

Ações beneficiaram zona urbana e área rural A Secretaria de Saúde de Garanhuns, por meio do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), apresentou, esta semana, ao Conselho Municipal de Saúde, o balanço das atividades realizadas no controle de doenças transmitidas...

Ações beneficiaram zona urbana e área rural

A Secretaria de Saúde de Garanhuns, por meio do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), apresentou, esta semana, ao Conselho Municipal de Saúde, o balanço das atividades realizadas no controle de doenças transmitidas para o homem por meio de animais. Os dados informados são referentes ao primeiro semestre deste ano [até a primeira quinzena de julho]. Além do trabalho de apreensão de animais abandonados nas ruas, do incentivo à posse responsável e controle da dengue, a instituição executa programas de controle da esquistossomose, doença de chagas, raiva e vigilância da peste.

Três equipes de agentes, que trabalham no controle e vigilância dessas endemias, atuam tanto na zona urbana quanto na área rural. As ações realizadas durante o primeiro semestre de 2014 chegaram a 49 localidades, incluindo sítios, fazendas, povoados e vilas da zona rural e algumas localidades da cidade. O CCZ está localizado no loteamento Manoel Camelo, na Cohab II, e funciona das 7h30min às 13h30min.

Para o controle da esquistossomose, conhecida como barriga d’água ou doença do caramujo, foram realizados 2.283 exames, sendo 2.222 (97,3%) negativos e apenas 61 positivos, que foram medicados na própria localidade. O Programa Municipal de Controle da Doença de Chagas – conhecida como doença do barbeiro e coração de boi – trabalhou em 1.462 casas na busca ativa do inseto transmissor, instruindo 3.341 habitantes. O Programa de Vigilância da Peste visitou 267 casas, levando orientações técnicas e preventivas sobre a peste bubônica. Para controlar a raiva animal em nosso município, foram aplicadas 1.582 vacinas antirrábicas em cães e gatos da zona rural de Garanhuns.

O diretor do Centro de Controle de Zoonoses de Garanhuns, Kleber Fernandes, fala sobre o papel do centro. “A grande missão do CCZ é prevenir doenças e promover saúde. Com a disponibilidade desses serviços, o Governo Municipal tem diminuído o risco de contaminação da população e tem evitado a evolução das doenças para quadros crônicos, oferecendo exames e tratamentos, minimizando o sofrimento dos pacientes e dos seus familiares, gerando bem estar e melhoria na qualidade de vida das pessoas”, ressaltou.


Texto: Ruthe Santana
Edição de texto: Cloves Teodorico
Foto: Divulgação
Informações para a imprensa:
(87) 3762.0109 (Secom/PMG)

Redimensionar Fonte
Contraste