GovBR
Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a busca Ir para o rodapé

Informamos que devido ao grande número de acessos aos serviços online da prefeitura, os mesmos poderão ficar instáveis ou indisponíveis.

Inicio Mulher Violência contra a mulher é tema de conscientização para mães do Canto Mãe Coruja

Mulher

Violência contra a mulher é tema de conscientização para mães do Canto Mãe Coruja

Equipe da Secretaria da Mulher explicou os tipos de violência que as mulheres estão expostas e o serviço que a pasta oferece por DANIELA BATISTA Com o intuito de conscientizar a respeito das formas de violência que as mulheres estão...

Publicado em

Equipe da Secretaria da Mulher explicou os tipos de violência que as mulheres estão expostas e o serviço que a pasta oferece

por DANIELA BATISTA

Com o intuito de conscientizar a respeito das formas de violência que as mulheres estão expostas, a equipe da Secretaria da Mulher (Secmul) de Garanhuns esteve presente, ontem (16), na Escola Estadual São Cristovão e realizou uma tarde de conscientização. A ação é uma parceria com o projeto Canto Mãe Coruja, do Governo Estadual de Pernambuco.

Para uma turma de mulheres cadastradas no Canto Mãe Coruja, alunas da escola e parte da área de enfermagem da Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro da Liberdade, a equipe da Secmul fez uma apresentação com a interação das pessoas, que explicava as formas de violência que as mulheres podem sofrer.

A assistente de relações intersetoriais da Secmul, Sheilla Dayane, comenta a respeito de trabalhar em parceria com o Canto Mãe Coruja. “Voltar a trabalhar com o Mãe Coruja vai oportunizar à Secretaria da Mulher daqui de Garanhuns, uma maior aproximação com o público de mulheres gestantes e mães. Sabemos que a violência doméstica também ocorre durante a gestação. Sendo assim, essas mulheres precisam conhecer o que a rede de enfrentamento oferece em nosso município. Fomos levar o conhecimento a elas”, explica.

“Nós iniciamos o ano letivo com essa turma do Canto Mãe Coruja de Garanhuns, com essa parceria com a Secmul. Apesar do programa ser estadual, é importante que tenhamos uma parceria com o Governo Municipal de Garanhuns. Até mesmo na nossa abordagem, nós detectamos situações de violência contra a mulher. Além de fazermos o encaminhamento, a gente também procura acolher, ouvir e propiciar um ambiente em que elas se sintam seguras e protegidas. Por isso, é importante que a Secretaria da Mulher trabalhe em parceria com a gente, porque elas podem prestar assistência”, explica Erika Kataline, técnica do Canto Mãe Coruja.

Foto: Daniela Batista/Secom PMG
17 de fevereiro de 2017
Atendimento à imprensa
(87) 3762-0109

Redimensionar Fonte
Contraste