GovBR
Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a busca Ir para o rodapé

Informamos que devido ao grande número de acessos aos serviços online da prefeitura, os mesmos poderão ficar instáveis ou indisponíveis.

Inicio Educação Indústria do Conhecimento em Garanhuns muda a vida de pessoas por meio da literatura

Educação

Indústria do Conhecimento em Garanhuns muda a vida de pessoas por meio da literatura

Só em 2015, 614 cadastros foram realizados, 8.021 pessoas usufruíram do espaço e 5.044 livros foram lidos A biblioteca da Indústria do Conhecimento (IDC) completa, no dia 18 de maio, dois anos de existência em Garanhuns. O local funciona no...

Publicado em

Só em 2015, 614 cadastros foram realizados, 8.021 pessoas usufruíram
do espaço e 5.044 livros foram lidos

A biblioteca da Indústria do Conhecimento (IDC) completa, no dia 18 de maio, dois anos de existência em Garanhuns. O local funciona no bairro Dom Hélder Câmara (Cohab 3) e atende crianças, jovens e adultos de todas as idades, com a atuação de 17 profissionais – entre monitores, serviços gerais, agentes administrativos e vigilantes. A iniciativa é uma parceria do Serviço Social da Indústria (Sesi) com a Prefeitura de Garanhuns, por meio da Secretaria de Educação e Esportes (Seduce) e funciona de segunda a sexta-feira, das 08h00 às 22h00, sem intervalo.

O local conta com livros didáticos e de literatura, computadores com internet, brinquedoteca com jogos e brinquedos pedagógicos, aparelho de TV para vídeo aulas, “IDCine” e cursos de Inclusão Sócio Digital (ISD), entre outros. Os moradores da comunidade, que querem usufruir do espaço, inicialmente fazem um cadastro e depois passam a assinar frequência todas as vezes que utilizam a IDC. “A comunidade tem acesso a nossa estrutura quando precisa. A nossa única exigência, é que não entrem com os pés descalços, principalmente por causa do perigo no uso dos aparelhos eletrônicos. Fora isso, podem participar das atividades do jeito que estão”, registra a coordenadora da IDC Garanhuns, Wilza Vitorino.

Atividades – Em cada mês é escolhido pela equipe da biblioteca um autor diferente. A partir disso, todas as ações de leitura giram em torno da vida e obra desse autor, deixando sempre o espaço e tempo para atender às necessidades da comunidade no uso do local. No mês de abril, foram trabalhadas atividades específicas de leitura sobre Ziraldo. Agora em maio, devido ao congresso “Educa Garanhuns”, onde o escritor estará na cidade dia 15 de maio, a IDC deu continuidade as atividades com o mesmo.

“Graças a todo esse trabalho que realizamos em abril, nós fizemos uma parceria com os organizadores do evento. Como Ziraldo vai estar no Educa Garanhuns, algumas escolas particulares vão receber o autor para um bate-papo e nós estaremos com ele na manhã do dia 15 no Colégio Diocesano. A IDC também foi convidada para fazer uma homenagem ao escritor, à noite, na abertura do congresso, que acontecerá na AGA”, comenta Wilza.

Trabalho social – A leitura também mudou a vida de muitas pessoas na comunidade. Jovens usuários de drogas largaram o vício em troca dos livros. De acordo com os servidores, inúmeros exemplos são vivenciados diariamente. “Os relatos que ouvimos aqui são emocionantes. Muitas pessoas saíram das drogas depois que conheceram o local. E o melhor de tudo isso, é que eles vem aqui somente pela leitura, por que querem. Não há nenhuma condição como o dinheiro, por exemplo, para que possam vir até nós”, registra a coordenadora.
Indústria do Conhecimento em Garanhuns muda a vida de pessoas por meio da literatura2 Indústria do Conhecimento em Garanhuns muda a vida de pessoas por meio da literatura3 Indústria do Conhecimento em Garanhuns muda a vida de pessoas por meio da literatura4 Indústria do Conhecimento em Garanhuns muda a vida de pessoas por meio da literatura5


Texto e fotos: Samara Pontes
Informações para a imprensa:
(87) 3762.0109 (Secom/PMG)

Redimensionar Fonte
Contraste