GovBR
Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a busca Ir para o rodapé

Informamos que devido ao grande número de acessos aos serviços online da prefeitura, os mesmos poderão ficar instáveis ou indisponíveis.

Inicio Desenvolvimento Econômico Garanhuns é selecionado para o II Fórum Mundial do Desenvolvimento Econômico Local

Desenvolvimento Econômico

Garanhuns é selecionado para o II Fórum Mundial do Desenvolvimento Econômico Local

Apenas 30 municípios pernambucanos participarão do evento, que acontece de 29 de outubro a 1º de novembro A Rede de Agentes de Desenvolvimento, vinculada à Confederação Nacional de Municípios (CNM), Frente Nacional de Prefeitos (FNP) e ao Serviço de Apoio...

Apenas 30 municípios pernambucanos participarão do evento, que acontece de 29 de outubro a 1º de novembro

A Rede de Agentes de Desenvolvimento, vinculada à Confederação Nacional de Municípios (CNM), Frente Nacional de Prefeitos (FNP) e ao Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), escolheu 30 municípios de Pernambuco para participarem do II Fórum Mundial do Desenvolvimento Local e do Encontro Nacional de Agentes de Desenvolvimento. Garanhuns está entre os selecionados e participará do momento, que será realizado entre os dias 29 de outubro e 1º de novembro em Foz do Iguaçu (PR).

O fórum serve para a troca de experiências, exploração de estratégias e debates de maneira global sobre desenvolvimento sustentável. Entre os critérios estabelecidos pelo Sebrae para os municípios participarem do evento, estão: a implementação da Lei Geral Municipal conforme o Sistema de Monitoramento de Implementação da Lei Geral (SMILG); a indicação formal para atuação como agente de desenvolvimento constatado no referido sistema, além de ter o curso básico de formação dos agentes com o certificado constando no SMILG.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico de Garanhuns, Geandré Nogueira, a conquista faz parte de um processo planejado com sucesso. “Inicialmente, realizamos capacitação de nossos servidores e formalizamos os cadastros de fornecedores do município. Com isso, fomos aprovados e enviaremos uma representante para estar lá no estado do Paraná”, comenta, entusiasmado.

Mais conquistas – O poder de compra do Governo Municipal cresceu no ranking estadual. Em agosto deste ano, após a implementação da Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas, o uso do poder de compra era 1,93. Agora no mês de outubro chegou aos 7,01. Um indicador positivo que mostra que a capacidade em adquirir bens e serviços melhorou de forma significativa.

Ainda a partir deste semestre, a meta da Secretaria de Desenvolvimento Econômico é melhorar a participação das micro e pequenas empresas nas licitações vinculadas ao Governo Municipal. “Percebemos um crescente interesse dos empresários locais em concorrer nos processos licitatórios, o que comprova ainda mais que a busca pela formalização é contínua”, finaliza Geandré.


Texto: Cloves Teodorico
Imagens: Divulgação
Informações para a imprensa:
Cloves Teodorico – (87) 9600.8965
Secom/PMG 

Redimensionar Fonte
Contraste