GovBR
Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a busca Ir para o rodapé

Informamos que devido ao grande número de acessos aos serviços online da prefeitura, os mesmos poderão ficar instáveis ou indisponíveis.

Inicio Educação Escolas municipais da área rural de Garanhuns se destacam no Prêmio Idepe

Educação

Escolas municipais da área rural de Garanhuns se destacam no Prêmio Idepe

Ao todo, sete instituições municipais atingiram notas acima de 4,45 11 de julho de 2018 O Índice de Desenvolvimento de Educação Básica de Pernambuco (Idepe) é uma iniciativa do Governo do Estado que acompanha o desempenho de educação nas escolas...

Publicado em

Ao todo, sete instituições municipais atingiram notas acima de 4,45

11 de julho de 2018

O Índice de Desenvolvimento de Educação Básica de Pernambuco (Idepe) é uma iniciativa do Governo do Estado que acompanha o desempenho de educação nas escolas públicas e valoriza os melhores desempenhos obtidos pelos municípios, escolas estaduais e Gerências Regionais de Educação. Em Garanhuns, sete instituições municipais se destacaram, entre elas, três escolas pertencentes à área rural de Garanhuns.

O Idepe foi calculado de acordo com o fluxo escolar e o desempenho dos alunos dos 5º e 9º anos do Ensino Fundamental (anos iniciais e finais) da Rede Municipal de Garanhuns, com base nos exames do Sistema de Avaliação Educacional de Pernambuco (Saepe), em Língua Portuguesa e Matemática.

No campo, as escolas municipais Deocleciano Monteiro Guedes, Oscar Francisco da Silva e Salomão Rodrigues Vilela atingiram as notas de 5,36, 5,06 e 4,45, respectivamente. Na sede (zona urbana), as escolas São Francisco de Assis, Professor Petrônio Fernandes da Silva, Centro Social Monsenhor Callou e o Instituto Presbiteriano de Heliópolis tiraram 5,47, 5,35, 5,01 e 4,18 e também conseguiram um bom desempenho no índice.

Segundo a Secretaria Estadual de Educação, em 2017, Pernambuco registrou a maior pontuação já apresentada desde o início do monitoramento, em 2000, apontando nota 4,5. Além disso, 32 escolas do estado atingiram, pela primeira vez, média 6,0 e três ultrapassaram média 7,0.

Texto: Daniela Batista
Com informações da Secretaria de Educação (Seduc)
Fotos: Camila Queiroz – Secom/PMG
Atendimento à imprensa: (87) 3762-0109

Redimensionar Fonte
Contraste