GovBR
Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a busca Ir para o rodapé

Informamos que devido ao grande número de acessos aos serviços online da prefeitura, os mesmos poderão ficar instáveis ou indisponíveis.

Inicio FIG 2016 Quarta noite de shows do 26º FIG reúne grande público

FIG 2016

Quarta noite de shows do 26º FIG reúne grande público

Grandes artistas da música pernambucana subiram ao palco da Praça Mestre Dominguinhos por AQUILLES SOARES edição de texto CLOVES TEODORICO fotos de BRÁULIO SANTANA A quarta noite de shows do palco da Praça Mestre Dominguinhos, no 26° Festival de Inverno de Garanhuns (FIG),...

Publicado em

Grandes artistas da música pernambucana subiram ao palco da Praça Mestre Dominguinhos

por AQUILLES SOARES
edição de texto CLOVES TEODORICO

fotos de BRÁULIO SANTANA

A quarta noite de shows do palco da Praça Mestre Dominguinhos, no 26° Festival de Inverno de Garanhuns (FIG), aconteceu nessa segunda-feira (25) e trouxe muita música pernambucana para esquentar o público que saiu de casa para conferir as atrações.

Grandes nomes da música pernambucana fizeram parte da programação, que começou às 20h. O show dos garanhuenses do grupo Loucos Nordestinos, recepcionou as pessoas. Criado em 2008, o grupo de rap e hip-hop adicionou elementos da música nordestina à apresentação.

Em seguida, quem subiu ao palco foi o músico Clayton Barros, que já apresentou-se durante outras edições do festival com as bandas Cordel do Fogo Encantado e Os Sertões. Esta foi a primeira apresentação do seu projeto de carreira solo, que envolveu homenagens ao percussionista Naná Vasconcelos e ao cantor e compositor garanhuense Dominguinhos. “É uma honra para mim estar escalado nessa grade de hoje e comemorar a música pernambucana. A segunda-feira está tornando-se um dia importantíssimo no Festival de Inverno, se firmando como um dia destinado a música alternativa”, declarou o músico.

O cantor Di Melo animou o público com sua mistura de soul e black music. Conhecido como “O Imorrível”, o músico trouxe pela primeira vez ao Festival de Inverno as músicas do álbum Homônimo, que foi lançado em março deste ano. “O meu som é exatamente isso, a fusão de tudo. Mas também rola de tudo, homenagens a Naná, a Geraldo Vandré e Baden Powell”, disse o cantor à imprensa.

A banda Nação Zumbi era a atração mais esperada da noite – com o repertório marcado por canções do último CD de estúdio, que leva o nome da banda como “Novas Auroras” e “Bala Perdida”; além dos grandes sucessos de álbuns clássicos como o Afrociberdelia. “Tocar aqui é muito bom, nem lembro quantas edições fizemos. A gente já vem pra cá sabendo que esse espaço é muito bom, e que o palco é muito legal. Melhor impossível”, finalizou o vocalista da banda, Jorge du Peixe.

IMG_6453 IMG_6528 IMG_6704 IMG_7075 IMG_7595


Redimensionar Fonte
Contraste