GovBR
Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a busca Ir para o rodapé

Informamos que devido ao grande número de acessos aos serviços online da prefeitura, os mesmos poderão ficar instáveis ou indisponíveis.

Inicio Assistência Social e Direitos Humanos Oficina incentiva produção de sabão ecologicamente sustentável em Garanhuns

Assistência Social e Direitos Humanos

Oficina incentiva produção de sabão ecologicamente sustentável em Garanhuns

Aulas aconteceram no Centro de Referência de Assistência Social Bela Vista, em parceria com o IFPE 25 de outubro de 2018 Técnicas de reutilização do óleo de cozinha como ingrediente para de fabricação do sabão ecologicamente sustentável têm sido ministradas...

Publicado em

Aulas aconteceram no Centro de Referência de Assistência Social Bela Vista, em parceria com o IFPE

25 de outubro de 2018

Técnicas de reutilização do óleo de cozinha como ingrediente para de fabricação do sabão ecologicamente sustentável têm sido ministradas em uma oficina realizada por meio de uma parceria entre a Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos (SASDH) e o Instituto Federal de Pernambuco (IFPE) — Campus Garanhuns.

A iniciativa, faz parte de uma série de pesquisas ambientais, promovidas pelo departamento de extensão do Instituto, e beneficia mais de 20 mulheres que integram o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do bairro Bela Vista (Cohab III).

O curso, ministrado pela técnica de laboratório em química, Mariana Pinheiro, também busca esclarecer as participantes que com a matéria-prima em casa o produto pode incrementar a renda familiar. “Já surgiu a vontade de montar um negócio aqui no bairro pra gente poder trabalhar. Inclusive já participei de outros cursos bem proveitosos aqui, de confecção de doces e artesanato”, afirmou Kátia Francisca Teixeira, de 36 anos.

A coordenadora do Cras Bela Vista, Ana Angélica Tenório, destaca a importância do projeto para as mulheres da localidade. “Buscamos com esse momento oportunizar mais uma alternativa de inserção dentro do mercado de trabalho para estas pessoas, de maneira ecologicamente sustentável, para que elas possam complementar assim sua renda familiar”, finaliza.

Assessoria de Comunicação Social e Imprensa (ACSI)

Texto e fotos: Aquilles Soares — (Secom/PMG)

Com informações da SASDH

Atendimento à imprensa: (87) 3762-0109

Redimensionar Fonte
Contraste