GovBR
Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a busca Ir para o rodapé

Informamos que devido ao grande número de acessos aos serviços online da prefeitura, os mesmos poderão ficar instáveis ou indisponíveis.

Inicio Notícias Nota informativa — Campanha de Recuperação Fiscal é estendida até 30 de dezembro

Notícias

Nota informativa — Campanha de Recuperação Fiscal é estendida até 30 de dezembro

26 de agosto de 2020 Em função da situação epidemiológica causada pela pandemia do novo coronavírus, que afeta diretamente o setor econômico, a Prefeitura de Garanhuns, por meio da Secretaria de Finanças, prorrogou até o dia 31 de dezembro de...

Publicado em

26 de agosto de 2020

Em função da situação epidemiológica causada pela pandemia do novo coronavírus, que afeta diretamente o setor econômico, a Prefeitura de Garanhuns, por meio da Secretaria de Finanças, prorrogou até o dia 31 de dezembro de 2020, a Campanha de Recuperação Fiscal (Refis). A prorrogação estabelece a adesão da população na negociação e quitação de pendências relacionadas a impostos e taxas do município, possibilitando o desconto de todos os débitos atrasados. O Decreto Nº 079/2020, que estabelece a medida, está publicado no Diário Oficial dos Municípios de Pernambuco (Amupe) de ontem (25). 

A população pode negociar o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), Imposto Sobre Serviço (ISS), Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI) e demais taxas em atraso à vista, com desconto de 100% no valor dos juros e multas.

O pagamento total ou parcelado pode ser feito no portal da Prefeitura, no link: https://www.garanhuns.pe.gov.br/sefin/, ou no Setor de Atendimento ao Contribuinte, no Palácio Celso Galvão, localizado na avenida Santo Antônio, nº 126, no Centro, das 8h às 14h. Todos os cuidados sanitários em relação à pandemia do coronavírus devem ser respeitados, como a utilização de máscaras e o distanciamento de pelo menos um metro e meio. 

Assessoria de Comunicação Social e Imprensa — (ACSI)

Foto: Reprodução/Internet

Redimensionar Fonte
Contraste