III Conferência Municipal dos Direitos das Pessoas com Deficiência debate participação social no controle de direitos


Evento foi iniciado nesta terça-feira (03) e segue até amanhã (04), no Chalé Recepções e Eventos

03 de setembro de 2019

O Conselho Municipal de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência de Garanhuns (Comud), com o apoio do Governo Municipal, por meio da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos (SASDH), deu início à III Conferência Municipal de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência, na tarde desta terça-feira (03), no Chalé Recepções e Eventos. Nesta edição, está sendo discutido o tema “Não há controle sem participação social”. O Grupo Harmônico de Flautas e Violinos do  Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) do Centro de Referência em Assistência Social (Cras) Boa Vista abriu oficialmente o evento. 

O prefeito Izaías Régis, o vice, Haroldo Vicente; a secretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Maria Célia Sobral, os coordenadores do Comud, Jarbas Trindade, José Juca de Melo e Humberto Granja; o vereador Mário dos Santos (Marinho da Estiva); o superintendente da Pessoa com Deficiência de Pernambuco, Edmilson Silva e o presidente do Conselho Estadual da Pessoa com Deficiência, Antonio Diniz, estiveram presentes na Conferência. O superintendente de Assuntos Relativos à Pessoa com Deficiência da Prefeitura de Bezerros e vice-presidente da Organização Nacional de Cegos do Brasil (ONCB), Diego França, foi o palestrante do primeiro dia de evento.

De acordo com o coordenador do Comud, Jarbas Trindade, a III Conferência Municipal de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência tem o intuito de subsidiar, propor e acompanhar as políticas municipais voltadas às pessoas com deficiência. “A conferência é realizada a cada três anos e faz parte das instâncias deliberativas do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência de Garanhuns, criado em 2010. Estamos reunidos aqui para verificar e avaliar as políticas públicas já criadas e criar novas propostas, que serão levadas para a Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos a fim de serem implementadas. Também iremos eleger delegadas e delegados para VI Conferência Estadual das Pessoas com Deficiência, nos próximos dias 03 e 04 de dezembro”, explicou o advogado. 

A secretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Maria Célia Sobral, destacou a importância da participação do Governo Municipal na inclusão social das pessoas com deficiência. “É importante participar deste momento para que a comunidade possa sugerir ações de promoção, defesa e proteção dos direitos das pessoas com deficiência e a Prefeitura possa promover uma qualidade de vida ainda melhor para a população”, comentou. 

Os eixos abordados na Conferência são: Assistência Social, Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia e Direitos Humanos; Planejamento e Acessibilidade; Educação, Esportes Cultura e Lazer; e Saúde, Habilitação e Reabilitação. 

Amanhã (04), no segundo e último dia de atividades, a Conferência tem início às 08h, com os a divisão dos grupos de trabalho, de acordo com os eixos do evento. Já no período da tarde, acontece a plenária final e deliberações. Encerrando a programação, será realizada a eleição dos delegados para a VI Conferência Estadual das Pessoas com Deficiência. O Chalé Recepções e Eventos está localizado na av. Rui Barbosa, 1155, bairro Heliópolis.

Assessoria de Comunicação Social e Imprensa — (ACSI)

Texto e fotos: Daniela Batista — (Secom/PMG)

Atendimento à imprensa: (87) 3762-0109