GovBR
Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a busca Ir para o rodapé

Informamos que devido ao grande número de acessos aos serviços online da prefeitura, os mesmos poderão ficar instáveis ou indisponíveis.

Inicio Assistência Social e Direitos Humanos Garanhuns integra novos jovens ao Programa Vivendo e Aprendendo

Assistência Social e Direitos Humanos

Garanhuns integra novos jovens ao Programa Vivendo e Aprendendo

18 participantes começam a atuar nesta semana em diversos órgãos da municipalidade 13 de agosto 2019 A Prefeitura de Garanhuns, por meio da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos (SASDH), realizou, nesta semana, a integração de 18 jovens ao...


18 participantes começam a atuar nesta semana em diversos órgãos da municipalidade

13 de agosto 2019

A Prefeitura de Garanhuns, por meio da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos (SASDH), realizou, nesta semana, a integração de 18 jovens ao Programa Vivendo e Aprendendo, que busca promover a inclusão de jovens e adolescentes garanhuenses no mercado de trabalho. Os selecionados vão atuar em diversos órgãos do município, além de receber uma bolsa-auxílio mensal.

O grupo faz parte dos 35 candidatos selecionados no último processo seletivo do programa, que vão trabalhar em setores como Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos, Núcleo de Enfrentamento à Violência Contra o Idoso (Neviga), Casa dos Conselhos, Autarquia do Ensino Superior de Garanhuns (Aesga) e Centros de Referência em Assistência Social (Cras’s). Todos participantes têm direito a uma bolsa-auxílio de R$ 460,00 mensais, que pode ter valores descontados de acordo com faltas não justificadas.

Desde 2016 o Vivendo e Aprendendo beneficia jovens e adolescentes, residentes em Garanhuns, que possuem entre 16 e 19 anos (oriundos de unidades de acolhimento podem até 20 anos de idade), estejam inseridos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, e devidamente matriculados em escolas da rede pública ou privada. “Outra missão do programa é promover também o amadurecimento profissional por meio de palestras, oficinas e cursos. Além de realizar o acompanhamento da frequência escolar e famílias dos participantes, obtendo resultados positivos ao fim deste período”, afirma a coordenadora do Vivendo e Aprendendo, Manuela Outro Preto.

Assessoria de Comunicação Social e Imprensa — (ACSI)
Com informações e fotos da SASDH
Atendimento à imprensa: (87) 3762-0109

Redimensionar Fonte
Contraste