GovBR
Ir para o conteúdo Ir para o menu Ir para a busca Ir para o rodapé

Informamos que devido ao grande número de acessos aos serviços online da prefeitura, os mesmos poderão ficar instáveis ou indisponíveis.

Inicio Assistência Social e Direitos Humanos Ação de abordagem voltada para população em situação de rua foi realizada em Garanhuns

Assistência Social e Direitos Humanos

Ação de abordagem voltada para população em situação de rua foi realizada em Garanhuns

Equipe da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos promoveu encaminhamentos da população identificada nessa sexta (26) [...]Leia mais...

Publicado em


27 de junho de 2020

A Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (SASDH) promoveu, nessa sexta-feira (26), uma abordagem noturna com o intuito de identificar pessoas em situação de rua em Garanhuns, e que estão mais vulneráveis à infecção pela Covid-19. A ação foi realizada na avenida Rui Barbosa, no bairro Heliópolis e contou com o apoio de equipes do Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas), Núcleo de Enfrentamento à Violência Contra o Idoso de Garanhuns (Neviga), da Vigilância Sanitária e Guarda Municipal.

Três pessoas foram abordadas e encaminhadas para órgãos específicos da rede de apoio, em áreas como saúde e assistência social. Posteriormente, de acordo com análise de cada contexto social, estas pessoas poderão ser encaminhadas para centros de acolhimento.

Após a ação, também foi realizada a sanitização dos locais, com desinfetantes à base de quaternário de amônia, que elimina microorganismos como vírus, bactérias e fungos. De acordo com a pasta, algumas pessoas abordadas já foram identificadas em ações anteriores, quando foram acolhidas, porém retornaram para situação de rua.

A SASDH promove abordagens regularmente nas principais vias da cidade, e tem intensificado este serviço durante a pandemia da Covid-19. “O foco é identificar as necessidades dessa população em situação de rua. Entrando em contato com suas respectivas famílias, para que retornem às suas residências; e promover uma sensibilização para que procurem os serviços de saúde, principalmente em decorrência do coronavírus”, pontuou a secretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Célia Sobral.

Assessoria de Comunicação Social e Imprensa — (ACSI)
Com informações da SASDH
Fotos: Camila Queiroz — (Secom/PMG)

Redimensionar Fonte
Contraste