Terceira edição do Filig propõe construção constante de novos leitores

O festival de literatura acontece de 5 a 8 de outubro no Parque Ruber Van Der Linden e Sesc Garanhuns

Recife, setembro de 2017 – O Festival Internacional de Literatura Infantil de Garanhuns (Filig) chega à sua terceira edição para movimentar o município do Agreste Pernambucano com atividades gratuitas que celebram o livro, a leitura e literatura. Após trabalhar as temáticas “Construindo cidadãos” (2014) e “Poesia, rima e prosa da fantasia” (2015), este ano, o festival tem como tema “Nas entrelinhas das imagens narrativas” e acontece de 5 a 8 de outubro. O evento, que contará com a participação de diversos autores, escritores e ilustradores do Brasil e exterior, será sediado no Parque Ruber Van Der Linden e no Sesc Garanhuns. O Filig é uma realização do Ministério da Cultura (MinC), por meio da Lei de Incentivo à Cultura, idealizado pela Ferreira Costa e Proa Cultural, com apoio da Companhia Editora de Pernambuco (Cepe), Prefeitura de Garanhuns, por meio da Secretaria de Educação Municipal, e do Serviço Social do Comércio (Sesc) de Garanhuns.

Desde o seu início, o Filig surgiu como um projeto sociocultural que tem como objetivo ajudar a construir Garanhuns como uma cidade de leitores. Pietra Costa, diretora da Ferreira Costa e idealizadora do festival, entende que “a leitura é um caminho que transforma a vida das pessoas. Se você aprender a ler de verdade a vida é diferente. Então o Filig surgiu com esse objetivo, de desenvolver o hábito de leitura nas crianças”.

Camila Bandeira, fundadora da Proa Cultural e que idealizou junto com Pietra a concepção do festival, se orgulha do caminho trilhado pelo evento, que, para além da sua programação, tem deixado um importante legado com formações continuadas para professores, bibliotecários e agentes de leitura de Garanhuns. “Conseguimos enxergar cada vez mais os resultados de nossas ações na formação de cidadãos leitores e democratização do acesso ao livro em Garanhuns. Junto à Ferreira Costa, nossa parceira na idealização e construção do Filig, já realizamos cerca de 550 formações em oficinas”, avalia.

As oficinas a que se refere Camila fazem parte de ações continuadas que ocorrem durante todo o ano, para além da programação do festival, que visam qualificar profissionais de educação do município com atividades que englobem “espaços, acervos, gestão e mediação de leitura”, define a coordenadora pedagógica do Filig, Érica Verçosa, responsável pelas oficinas de formação continuada, que ocorrem desde 2015. “A gente conseguiu aprofundar algumas questões relacionadas à mediação de leitura e da literatura como um direito humano, tendo como referência o crítico literário Antonio Candido”, observa Érica. Ela, que ministra as oficinas junto com a bibliotecária Cida Fernandéz, diz que, este ano, o foco das atividades está na classificação do acervo de bibliotecas e salas de leitura.

O FESTIVAL

Nesta terceira edição, o objetivo é ampliar as possibilidades de leitura para todas as idades, incluindo, bebês, crianças, jovens e adultos. Assim, pela primeira vez no festival, serão incluídas atividades como Ateliê Filig Leitura na Primeira Infância, Leitura na Barriga e Leitura para Pais e Bebês, que serão ministradas pela escritora e jornalista mineira Alessandra Pontes Roscoe. A própria temática do Filig, “Nas entrelinhas das imagens narrativas”, já indica a opção curatorial por ações leitoras que ultrapassem a lógica infanto-juvenil. Para o curador do festival, Luciano Pontes, “a leitura não está só ligada ao letramento, ao entendimento do código alfabético. A leitura é um complexo, é um grande campo. E os livros de imagens facilitam justamente isso, porque eles não delimitam uma faixa etária, um entendimento”.

Para participar do festival, Luciano convidou escritores e ilustradores de todo o Brasil, como Odilon Moraes (SP), Tino Freitas (CE) e Renato Moriconi (SP). Dos autores de Pernambuco, Walther Moreira Santos e Elma marcam presença no Filig. Além disso, o ilustrador mexicano Gabriel Pacheco participará falando de seu processo criativo e ministrando uma oficina. “Todos os convidados têm uma vivência na criação de livros para infância na sua diversidade de gêneros. Mas o foco dos diálogos e práticas será voltado para a compreensão do livro de imagem, contendo apenas narrativas visuais, sem a presença da narrativa verbal. Esses livros, aparentemente, assustam os leitores por exigir uma maior subjetivação e não ter o apoio das palavras”, observa Luciano.

O curador faz questão de ressaltar que “todos os profissionais envolvidos na programação contribuem no pensamento e na prática do reconhecimento do livro para a infância, que ganha cada vez mais o espaço no imaginário leitor de todas as idades”. Ainda que o festival seja voltado exclusivamente para a literatura infantil, Luciano compreende que “os livros dedicados para o público infanto-juvenil não têm limite de idade”, e, por isso, prefere reforçar o pensamento de que são “livros para as infâncias, todas as infâncias”. Além do bate-papo com autores convidados, oficinas e ateliês de criação abertas ao público, haverá apresentações artísticas, rodas de leitura e feira de livros.

PROGRAMAÇÃO FILIG – 5 a 8/10

QUINTA-FEIRA (5)
Polo Caramiolas – Sesc Garanhuns
18h30 – “O dia que a morte sambou” (Teatro de Sombras – PE)
19h – Abertura do FILIG
19h30 – Mesa: O livro-imagem: visões, produções e linguagem no Brasil e no mundo. Convidados: Odilon Moraes (SP) e Gabriel Pacheco (MEX). Mediação: Tino Freitas (CE)

SEXTA-FEIRA (6)
Polo Espia – Parque Ruber Van Der Linden
8h às 17h – Abertura e funcionamento da Feira de livros
8h às 12h – Sessões de leitura aberta com mediadores
9h – Leitura para pais e bebês. Com Alessandra Roscoe (DF)
9h – Conversa com Autor – Walther Moreira Santos (PE)
10h às 17h – Abertura e funcionamento da exposição Ilustrimagem. Com obras das autoras Elma e Rosinha.
10h – Leitura na barriga. Com Alessandra Roscoe (DF)
10h – Conversa com Autor – Gabriel Pacheco (MEX)
13h às 17h – Sessões de leitura aberta com mediadores
14h – Conversa com Autora – Elma (PE)
15h – Conversa com Autor – Tino Freitas (CE)
17h – Apresentação artística da Cia. Truks (SP)

Polo Caramiolas – Sesc Garanhuns
9h às 12h – Oficina de criação literária para crianças. Com Tino Freitas (CE)
9h às 12h – Oficina de criação de imagens para jovens e adultos. Com Elma (PE)
9h às 12h – Oficina de criação de imagens para jovens e adultos. Com Odilon Moraes (SP)
14h às 17h – Oficina de criação literária para crianças. Com Walther Moreira Santos (PE)
14h às 17h – Oficina de criação de imagens para jovens e adultos. Com Gabriel Pacheco (MEX)
14h às 17h – Oficina de criação. Público específico – professores da rede pública. Atividade em parceria com a UFRPE UAG. Com Lorrayne Johanson (PE) e Hávilla Kristiane (PE)

Polo Curió – Sesc Garanhuns
18h – Apresentação artística. Grupo Pé de Vento (PE)
18h30 às 20h – Palestra: A narrativa visual – da ideia ao livro. Com Gabriel Pacheco (MEX). Mediação: Renato Moriconi (SP)

SÁBADO (7)
Polo Espia – Parque Ruber Van Der Linden
9h às 17h – Feira de livros
9h às 17h – Exposição Ilustrimagem. Com obras das autoras Elma e Rosinha.
9h às 12h – Sessões de leitura aberta com mediadores
9h – Conversa com Autor – Renato Moriconi (SP)
9h – Leitura para pais e bebês. Com Alessandra Roscoe (DF)
10h – Leitura na barriga. Com Alessandra Roscoe (DF)
10h – Conversa com Autor – Tino Freitas (CE)
13h às 17h – Sessões de leitura aberta com mediadores
14h – Conversa com Autor – Walther Moreira Santos (PE)
15h – Conversa com Autora – Elma (PE)
17h – Apresentação artística. Cia. Truks (SP)

Polo Caramiolas – Sesc Garanhuns
9h às 12h – Oficina de ilustração para crianças. Com Elma (PE)
9h às 12h – Oficina de criação para jovens e adultos. Com Walther Moreira Santos (PE)
9h às 12h – Oficina de criação para jovens e adultos. Com Gabriel Pacheco (MEX)
14h às 17h – Oficina de ilustração para crianças. Com Renato Moriconi (SP)
14h às 17h – Oficina de criação para jovens e adultos. Com Tino Freitas (CE)
14h às 17h – Oficina de criação para jovens e adultos. Com Odilon Moraes (SP)

Polo Curió – Sesc Garanhuns
18h – Apresentação artística. Grupo Pé de Vento (PE)
20h30 às 21h30 – Mesa: Técnicas e linguagens na criação da linguagem visual. Com Renato Moriconi (SP) e Elma (PE). Mediação: Walther Moreira Santos (PE)

DOMINGO (8)
Polo Espia – Parque Ruber Van Der Linden
9h às 17h – Feira de livros
9h às 17h – Exposição Ilustrimagem. Com obras das autoras Elma e Rosinha.
9h às 12h – Sessões de leitura aberta com mediadores
9h – Conversa com Autor – Gabriel Pacheco (MEX)
9h – Leitura para pais e bebês. Com Alessandra Roscoe (DF)
10h – Leitura na barriga. Com Alessandra Roscoe (DF)
10h – Conversa com Autor – Renato Moriconi (SP)
11h – Apresentação artística da Tropa do Balacobaco (PE)
13h às 17h – Sessões de leitura aberta com mediadores
15h – Leitura para pais e bebês. Com Alessandra Roscoe (DF)
16h – Leitura na barriga. Com Alessandra Roscoe (DF)
17h – Apresentação artística da Bandalelê (PE)

Polo Caramiolas – Sesc Garanhuns
9h às 12h – Oficina de ilustração para crianças. Com Walther Moreira Santos (PE)
9h às 12h – Oficina de criação para jovens e adultos. Com Elma (PE)
9h às 12h – Oficina de ilustração para jovens e adultos. Com Tino Freitas (CE)

Polo Curió – Sesc Garanhuns
14h às 15h30 – Mesa: A escrita visual – pensar por imagem. Com Tino Freitas (CE) e Renato Moriconi (SP). Mediação: Odilon Moraes (SP)

??????????
??????????
??????????
??????????