Símbolos

BRASÃO DO MUNICÍPIO

O brasão de Garanhuns é um símbolo deste município, instituído pela lei 457 de 1958. A descrição do brasão, dada pela lei de 457, é a seguinte: “ESCUDO de prata cortado em ondulação de vermelho; no primeiro, três aves pretas estendidas e alinhadas em faixa e no segundo cortado em três besantes de prata, aguados com três faixas onduladas de azul. INSÍGNIAS – coroa mural com quatro torres de prata, que indica Cidade Municipal. LEMA – “Ad altiore tender” (ter tendencia às alturas).

 

 

 

 

BANDEIRA DO MUNICÍPIO

A bandeira de Garanhuns foi idealizada pelo monge beneditino Dom Paulo. Foi oficializada pela Lei 457/58, de 05 de março de 1958, sancionada pelo prefeito Francisco Simão dos Santos Figueira. O branco simboliza a paz, o vermelho simboliza a autenticidade e fortaleza dos filhos da terra. Os anuns voando para o alto indicam que Garanhuns é uma cidade que conhece e busca ideias elevadas. As esferas de cores azuis e branco simbolizam as fontes de águas minerais: Vila Maria, Pau Amarelo e Serra Branca.

 

HINO DO MUNICÍPIO

Letra para baixar: Hino de Garanhuns
Música para baixar: 001 Hino de Garanhuns

Hino de Garanhuns
Filhos da Terra, oh! gente,
Ergam a voz, brilhem as frontes,
cantando com a alma que sente
e que vai nas brisas dos montes.
Salve Garanhuns!
Os jardins, as palmeiras e alguns
pedaços do céu… mão divinas!
Salve as sete colinas!
Estribilho:
Nos anais, “Florescente e garbosa
Garanhuns”, fostes sempre assim.
A elegância, a beleza da rosa,
as paisagens, estesias sem fim.
Os teus vales bravios outrora
esconderam fugitivos de cor…
A liberdade da Terra arvora
Estes homens de novo pendor.
E o lema “Ad Altiora Tendere”
é o mais fervoroso ideal.
A bandeira, sagrada e serena,
e Simôa da história fanal.
Tuas belezas – cidade das flores
e os ares – poema acolhedor…
Ai! Suspiros!
Que vida, que amores neste hino, que fulge esplendor!